Você se conhece?

Entenda seu Autoconhecimento!

Com toda a certeza você já comentou ou encontrou alguém que lhe disse: “Será que essa pessoa não se enxerga? ”. Mas por que será que muitos chegam a essa conclusão? Ou seja, das pessoas “Não se Enxergarem”?

Pois é, este ditado é mais comum do que se imagina, e cada vez mais comentado naquele momento do cafezinho de 10 minutos no trabalho, nas rodas de amigos em happy hour, no churrasquinho de fim de semana e outros bate papos em off. Devido a isto, fui tentar entender o que causa essa insatisfação nas pessoas com os seus devidos colegas de convívio, ou seja, o fato de não entenderem o porquê de alguns “Não se Enxergarem”.

Ao analisar o fato, podemos chegar a diversas conclusões, mas o que fica claramente explicito, é que muitos não suportam a atitude comportamental da pessoa A, B ou C. Por este motivo a pergunta chave vem à tona: Você se conhece?

Por que esta pergunta é importante?

Pelo fato de que, ao mesmo tempo que questionamos as atitudes comportamentais de uma pessoa, outros podem estar comentando o mesmo das nossas, assim, gera-se um ciclo de questionamentos sem fim.

Então você me diz: Mas Diogo, existem pessoas que são sensacionais, todos as elogiam e nunca presenciei alguém que fale mal dela.

E eu respondo: Show! Reflexão importante! Pessoas que possuem este tipo de comportamento, possuem um grande nível de autoconhecimento, o que chamam na psicologia de SELF (Que não é o mesmo que SELFIE, termo utilizado nas redes sociais quando tiram foto de si mesma).

Diogo, está louco?

O que é autoconhecimento? O que é esse negócio de SELF?

Bom, vamos lá! 

autoconhecimento e/ou SELF (Vem do gênero de tradução de “Si”) é um tema extenso, são conceitos muito utilizados na psicologia e o aprofundamento levaria um bom tempo para explicar cada etapa (Falarei sobre SELF 1 e SELF 2 em outros artigos). Mas o propósito não é estender, e sim dar uma visão simples e rápida que possa permitir uma monitoração mais atenta de si mesmo e uma análise mais compreensiva com as pessoas de seu convívio. Vamos lá?

Ao entender seu AUTOCONHECIMENTO OU SELF:

  • Você passa a ter conhecimento sobre si mesmo, ou seja, o seu EU. Como assim o meu EU? Sim, isso mesmo, significa entender de fato, quem é você;
  • Ao entender o SELF você passa a ter um alto nível de consciência sobre suas ações, o faro de perceber suas falhas, erros e o porque de suas ações;
  • Inteligência emocional sobre as adversidades da vida;
  • Fácil percepção dos fatos, dos ambientes que frequenta e se relaciona, ou seja, ambientes externos. Em resumo, passa a perceber com facilidade:
    • O que incomoda você e também o que incomoda ou não as pessoas;
    • Analisar os fatos como eles realmente são, e não como te contam, ou seja, percepção apurada, além de outros fatores.

Reflita!

Como comentei anteriormente, o tema é extenso. O objetivo é se questionar dentro deste conceito, como identificar o autoconhecimento e o que pode ser melhorado nesta linha de raciocínio. É natural que tenhamos dificuldades de enxergar nossas próprias falhas.

Mas Diogo, como faço isto?

A mudança é um processo que exige esforço, trata-se de uma etapa de desenvolvimento, de autoconhecimento, e será necessário buscar. Pesquise sobre temas, leia, assista Workshop, procure um profissional de Coaching capacitado que possa lhe ajudar e questione-se! Isso mesmo, o questionamento sobre suas ações, lhe fará refletir sobre suas condutas, mostrará seus pontos fracos, e isso é simplesmente fantástico para sua evolução como ser humano!

Seja reflexivo com seus questionamentos, afinal você quer resolver algo que pode estar te atrapalhando, ou até mesmo, evitando que você consiga voos mais altos, seja na carreira profissional, vida pessoal ou até mesmo na conquista de novas amizades. Certo?

3 ETAPAS PARA O AUXILIAR NO AUTOCONHECIMENTO

Então vamos as 3 etapas que podem auxiliar no seu processo de autoconhecimento:

ETAPA 1 – Anote todos os pontos que entenda ser necessários obter melhorias

  • Em um processo de Coaching, você pode identificar com clareza seus pontos fortes e fracos e traçar planos para buscar a melhoria de cada ponto de forma racional e assertiva com métodos cientificamente comprovados e que de fato funcionam. Porém, você mesmo pode iniciar o seu processo, ou seja, entenda os pontos fracos que encontrou e anote tudo. Faça reflexões e crie um plano de ação. O termo Plano de Ação é muito simples! Apenas faça algo que possa lhe ajudar a melhorar os pontos anotados, ou seja, tenha ações;

ETAPA 2 – Coloque em prática

  • Entendeu os problemas? Refletiu? Criou planos para a melhoria? Agora execute o que foi planejado! Sem ação, não há resultados!
  • Não desista! A persistência é a chave para o sucesso. Nesta etapa a técnica simples e eficaz que chamo de CPRH é de grande utilidade, conforme oriento no artigo 3 Dicas infalíveis para perder o medo de errar.

ETAPA 3 – Monitore-se

  • Monitore seu desempenho, ou seja, observe seu comportamento e evolução. Com o passar dos dias, você e as pessoas observarão as melhoras nos aspectos que envolvem suas rotinas, e você ficará tão animado, que sentirá vontade de compartilhar seus resultados e aprendizado com os amigos, pelo fato de notar o impacto que teve em você.

E você? como esta seu SELF? Conhece pessoas que precisam ler algo como o tema deste artigo? Ajude-as! Compartilhe este artigo com ela, quem sabe com esta atitude você pode ajudá-la a desenvolver-se neste ponto? Faça você a diferença! 😉

Desejo que seja muito feliz!

Muito obrigado por acompanhar mais este conteúdo, espero ter contribuído com algo em sua vida!

Por favor, não esqueça de deixar seu comentário. É muito importante para saber se estou no caminho certo ao gerar os melhores conteúdos pra você! 

Forte Abraço!

Diogo Xavier

Coach e Palestrante Motivacional

VOCÊ SE CONHECE?
Classificado como:                                                                

2 ideias sobre “VOCÊ SE CONHECE?

  • março 24, 2017 em 1:47 pm
    Permalink

    Bom dia, Diogo.

    Excelente artigo. Parabéns e sucesso.

    • maio 21, 2017 em 2:34 pm
      Permalink

      Olá Carlos,
      Muito Obrigado por seu comentário. Você é uma grande referência que levo pra vida!
      Forte Abraço!

Os comentários estão desativados.